Grupo Ambientalista Nascentes

Postado por ganaorg Comentários desativados
Os alunos do Colégio Estadual Maria Amélia Santos utilizaram linguagens artísticas, como teatro e música, e a apresentação de cartazes e maquetes em stands para levar à comunidade escolar reflexões sobre a preservação do meio ambiente e desenvolvimento sustentável. Desenvolvido desde o mês de março de forma transversal e interdisciplinar, o “Projeto Educação Ambiental – Nosso Planeta, Nossa Casa” foi finalizado nesta quinta (02).
“Começamos a fazer essa discussão para que os alunos percebam a importância de pensar em questões ambientais, partindo para o desenvolvimento de ações locais”, disse a diretora Terezinha Maynart. Os professores dos três turnos discutiram as questões sobre água, solo, lixo, qualidade de vida, energia limpa e desenvolvimento sustentável”.
A estudante do 1º Ano, Liliane de Jesus, 16 anos, disse ser muito importante a realização de projetos que modifiquem a relação dos alunos com o espaço escolar. “A nossa casa não é só a casa onde a gente mora. A escola é nossa casa também”, disse a estudante. Ela ressalta ainda que esse discernimento deve ser também estendido a outras ambiências. “Cada dia que passa a poluição é maior, derrubam-se ilegalmente as matas em áreas de preservação. Nós somos o futuro, mas precisamos pensar hoje o que queremos para o mundo de amanhã”.
O estudante da 7ª série, Oséias Santos, de 16 anos, salienta que essas discussões também incentivam o aluno a fazer sua parte. “Nós não podemos simplesmente destruir o mundo que é também fonte de nosso alimento. Tudo o que nos sustenta vem da natureza”, comentou o estudante, que acredita que as pessoas não podem ficar impassíveis diante dos desmatamentos que ocorrem, por exemplo, nas capitais. “O desmatamento das áreas de Mata Atlântica na Paralela é evidente e não podemos apenas observar isso tudo”, comentou o estudante.
Fonte: Agecom
categories: Notícias

Sobre

O Grupo Ambientalista Nascentes (GANA) é uma associação civil sem fins lucrativos ou político-partidários.